Pesquisar este blog

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

CDHU coloca em risco famílias em Bertioga


A denúncia da companheira Marie, de Bertioga, é séria. A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU), utilizando-se da justificativa de “área de risco iminente”, por conta de obras de aterro, realizadas pela própria empresa, neste município, está forçando a desocupação de moradias habitadas, há décadas, por famílias de baixa renda.
Na área da intervenção (ver acima), a empreiteira contratada pela CDHU abriu uma vala de drenagem, que segue direto para as casas dos moradores, que resistem a negociar sob condições impostas pela companhia. É portanto uma atitude truculenta e que ofende o direito à moradia, garantido pelo artigo 6° da Constituição Federal. 

O mais relevante, neste caso, é que as condições oferecidas pela CDHU não contemplam a fixação de todas as famílias, contrariando a própria razão da existência da empresa. É incrível que em pleno século XXI uma empresa estadual de habitação, prefira utilizar métodos que pareciam enterrados sob as cinzas da ditadura militar, ao invés de negociar alternativas acessíveis às famílias que construíram suas casas com muito suor.
Mais detalhes podem ser observados nesta animação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário